Segunda, 18 de Novembro de 2019
   
Tamanho do Texto

Pesquisar

Provérbios 24.3,4

  

Provérbios 24.3,4

“Com sabedoria se constrói a casa e com discernimento se consolida. Pelo conhecimento os seus cômodos se enchem do que é precioso e agradável” (Pv 24.3,4 NVI).

Certa vez, depois de um culto em uma localidade rural no Norte de Minas Gerais, fui conhecer as casas de alguns irmãos. Ao lado de uma delas, um senhor trabalhava em uma nova construção. O que me chamou a atenção foi o fato de não haver um ângulo reto na casa. Perguntei ao pedreiro se ele usava um esquadro para marcar as quinas e ele respondeu que sim. Só que se tratava de um esquadro que ele mesmo fez a olho, o qual era tão torto quanto as paredes. A estrutura também era toda deficiente — tenho a impressão de que ele nunca havia trabalhado com construção civil. O resultado é que, um ano depois, eu vi a casa pronta, mas com aspecto muito ruim, toda trincada e ruindo. Sem o devido conhecimento, nem um simples casebre rural permanece em pé.

Muita gente pensa que o trabalho de um pedreiro é fácil. Pensam ser apenas um trabalho braçal em que apenas força é requerida. Que engano monumental! Tudo que um engenheiro projeta, o pedreiro deve saber executar com maestria a fim de que a casa tenha a aparência que o engenheiro concebeu no papel e a resistência para permanecer de pé. Salomão se vale da figura da construção de uma casa para fazer uma comparação com a construção de um lar sábio e realmente feliz. Entretanto, trata-se de uma construção cujos materiais não são concreto e ferragem, mas “sabedoria” e “discernimento”, pelo que o escritor diz que “com sabedoria se constrói a casa e com discernimento se consolida”. Com isso, nota-se que ele não está preocupado com as paredes de uma casa de alvenaria, mas com os integrantes de uma família que habitam em uma casa e fazem dela seu lar.

O segundo passo depois de uma construção civil é preenchê-la com a mobília necessária para a habitação. Salomão lança mão também dessa figura dizendo que “pelo conhecimento os seus cômodos se enchem do que é precioso e agradável”. Em resumo, o escritor afirma a seus leitores que a receita de um casamento bem sucedido e de uma família feliz é que seus membros conheçam a Deus e estudem sua Palavra a fim de segui-la. Além de obter sabedoria para lidar com todos os percalços da vida, com todas as dificuldades normais de relacionamento e com todas as surpresas que as circunstâncias nos reservam, fica implícito que o próprio doador da Palavra, o Deus eterno, é quem irá abençoar essa família. Mensagens e valores como esses são divulgados a cada Natal que passa, mas o lar sábio os mantém todos os dias da sua vida, seja ocasião de festa ou não. A festa perene está na comunhão da família que é guiada pela sabedoria divina.

Pr. Thomas Tronco

Este site é melhor visualizado em Mozilla Firefox, Google Chrome ou Opera.
© Copyright 2009, todos os direitos reservados.
Igreja Batista Redenção.