Terça, 20 de Agosto de 2019
   
Tamanho do Texto

Pesquisar

Provérbios 28.26

  

Provérbios 28.26

“Quem confia em si mesmo é insensato, mas quem anda segundo a sabedoria não corre perigo” (Pv 28.26 NVI).

O famoso general da Segunda Guerra Mundial, Douglas MacArthur, estava se preparando para fazer um exame de admissão na Academia Militar de West Point. Na noite anterior ao exame, ele não conseguiu dormir. Pela manhã, sua mãe falou com ele a fim de o encorajar. Doug”, disse ela, você vai conseguir se não perder a calma. Você deve acreditar em si mesmo, meu filho, ou ninguém vai acreditar em você. Seja autoconfiante e, mesmo se você não conseguir vencer, saberá que fez o seu melhor. Agora, vá para o seu exame”. Quando os resultados dos exames foram anunciados, Douglas MacArthur tinha sido o número um.

Confiança em si mesmo é algo bom, pois quem duvida de sua capacidade de alcançar seus objetivos dificilmente assume a devida atitude de esforço e determinação que ajuda a enfrentar os obstáculos. Contudo, assim como quase tudo na vida, há um limite para esse tipo de confiança, pelo que Salomão diz que “quem confia em si mesmo é insensato”. Mas será que não se pode acreditar em si mesmo? Claro que sim! O que o escritor quer dizer é que “quem anda segundo a sabedoria não corre perigo”. Com isso, ele ensina que o homem não pode confiar apenas em seus julgamentos pessoais e em seus impulsos, mas deve se deixar guiar pela sabedoria que aprende de Deus. Isso não é o mesmo que duvidar de sua própria capacidade de agir e de alcançar seus objetivos. O ensino é que se deve confiar em Deus e nas suas instruções mais do que nas impressões e palpites pessoais.

A verdade é que esse é um assunto que não é desconhecido das pessoas, pois quase todos já notaram um amigo ou parente seguir seus próprios instintos, apesar de alertas contrários, e acabar causando problemas para si e para outros. Esse fenômeno é explicado pelo mesmo escritor que diz que “há caminho que parece certo ao homem, mas no final conduz à morte” (Pv 14.12). Mas se o homem não pode contar com suas opiniões pessoais, em quem ele confiará? A resposta é “confie no Senhor de todo o seu coração e não se apoie em seu próprio entendimento” (Pv 3.5). A conclusão é que o homem, apesar de não ser incapaz, também não é autossuficiente, precisando de Deus e das suas orientações para garantir seu bem-estar presente e futuro. Eis a razão pela qual as pessoas que agora rejeitam a Cristo sofrerão consequências permanentes. Por isso, aceite o sábio conselho das Escrituras que dizem “reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas” (Pv 3.6).

Pr. Thomas Tronco

Este site é melhor visualizado em Mozilla Firefox, Google Chrome ou Opera.
© Copyright 2009, todos os direitos reservados.
Igreja Batista Redenção.