Segunda, 14 de Outubro de 2019
   
Tamanho do Texto

Pesquisar

Provérbios 19.23

  

Provérbios 19.23

“O temor do Senhor conduz à vida: Quem o teme pode descansar em paz, livre de problemas” (Pv 19.23 NVI). 

Cresci num lugar muito seguro, uma chácara no meio do mato, na pequena Atibaia — bem pequena na época se comparada a hoje. As portas da casa estavam sempre abertas. Nem sei se as trancávamos à noite. Contudo, recebemos, certa vez, a visita de uma família que morava em São Paulo. O menino foi quem me chamou a atenção, pois toda hora ele se levantava do sofá, ia até a porta da frente, fechava e a trancava com chave. Se alguém entrava ou saía, a porta ficava novamente aberta e ele repetia sua ação. A verdade é que ele foi criado com medo de sua casa ser invadida por ladrões, o que o fazia se proteger trancando sempre as portas. O tempo passou e hoje sou eu que faço isso. Alguém pode até dizer que é exagero, mas em dias de tanto perigo, prefiro ficar atento e seguro.

Medo de ladrões não é o único temor que faz alguém tomar providências no sentido de buscar segurança. Salomão diz que “o temor do Senhor conduz à vida”. A diferença é que temor de ladrões é constituído apenas por medo, enquanto o temor do Senhor envolve, é claro, medo de desagradar a Deus e ser punido por ele, mas também é formado por respeito, reverência, profunda admiração, adoração e obediência. Esse conjunto nutrido pelo servo de Deus tem a capacidade de conduzi-lo por caminhos seguros que lhe preservam a “vida”. É claro que o primeiro impulso do leitor moderno é associar a primeira parte do versículo à vida eterna, mas não é o caso. O propósito prático e cotidiano dos provérbios e a segunda parte do versículo apontam para um sentido terreno em que vida significa segurança.

O escritor prossegue e diz que “quem o teme pode descansar em paz”. Dizer isso deixa, obviamente, o leitor com dúvidas a respeito do modo como a paz se processa. Mas o texto não para por aí, revelando que a paz de que se trata aqui é estar “livre de problemas”. Com isso, é possível entender que o temor do Senhor faz com que o servo de Deus evite os caminhos perigosos do mundo por simples temor de ser corrigido pelo seu Mestre e por ser instruído por sua Palavra. Isso, por si só, evita um número incontável de confusões na vida de que quem crê no Senhor. Combinado com os benefícios trazidos pelas bênçãos divinas, essa é uma ótima receita de paz para a vida, mesmo que circunstâncias externas tentem abalar a serenidade. Ainda que um homem tranque todas as portas da sua casa, sua vida vai muito além das paredes da sua morada e a segurança de que necessita só pode vir da sabedoria verdadeira e do próprio Deus.

Pr. Thomas Tronco

Este site é melhor visualizado em Mozilla Firefox, Google Chrome ou Opera.
© Copyright 2009, todos os direitos reservados.
Igreja Batista Redenção.