Terça, 11 de Agosto de 2020
   
Tamanho do Texto

Pesquisar

Como Matar Formigas

Pastoral

Recentemente minha casa foi invadida por formigas. Eram de, pelo menos, três espécies ou tamanhos. Fiz de tudo para acabar com elas. Joguei veneno, persegui algumas para descobrir e atacar o formigueiro, pisoteei centenas delas... Tudo foi inútil.

Felizmente, há alguns dias encontrei a solução. Numa casa de produtos agrícolas, a vendedora me falou de um veneno novo que age da seguinte forma: a gente borrifa um pouco do produto em algumas formigas. Isso as deixa
contaminadas com uma bactéria. Então, é só deixá-las ir embora. Quando, enfim, elas chegam no formigueiro, levam consigo a desgraça de toda a “colônia”. No máximo em três dias, por conta do contágio, não resta ali mais nenhuma
formiga viva!

Experimentei e funcionou. Não tenho mais formigas em casa. Descobri, assim, como me livrar de uma praga que por muito tempo incomodou a mim e a toda a minha família.

Satanás vê a igreja como um formigueiro que o incomoda. Ele tem prazer em matar e destruir cada“formiga” que vê. Mas seu sonho mesmo é acabar com o
formigueiro todo.

O que ele faz, então? É simples: ele contamina algumas e faz de tudo para mantê-las no formigueiro. Pouco importa que elas continuem trabalhando
e participando de tudo. Aliás, isso faz parte de sua estratégia. O importante mesmo é que elas continuem ali contaminadas, pois isso, em pouco tempo, trará sobre todos uma enorme devastação (1Co 5.6).

Deixemos, pois, de ser ingênuos. Fujamos do pecado que vem por contágio; do erro que vem da proximidade de pessoas infectadas com o mal. Lembremos sempre que até mesmo dentro da igreja é preciso que sejamos simples como as formigas e espertos como as moscas.

Pr. Marcos Granconato
Soli Deo gloria

Este site é melhor visualizado em Mozilla Firefox, Google Chrome ou Opera.
© Copyright 2009, todos os direitos reservados.
Igreja Batista Redenção.