Segunda, 23 de Setembro de 2019
   
Tamanho do Texto

Pesquisar

Provérbios 29.3

  

Provérbios 29.3

“O homem que ama a sabedoria dá alegria a seu pai, mas quem anda com prostitutas dá fim à sua fortuna” (Pv 29.3 NVI).

Recentemente, assisti a uma reportagem na televisão que mostrava atores e jogadores que juntaram uma grande fortuna em sua carreira e realizavam grandes projetos sociais, ajudando muita gente, especialmente crianças. Por outro lado, a matéria também contava a história de outras celebridades que, ganhando fortunas semelhantes, acabaram desperdiçando tudo como mulheres, drogas, festas, carros e bebidas. Muitos deles já estavam até vivendo na pobreza, enquanto outros chegaram a se envolver com criminosos a fim de tentar manter seu padrão de vida. É impressionante como muita gente que tem todas as oportunidades de se dar bem na vida acaba jogando tudo fora por causa de escolhas erradas.

Infelizmente, essa não é a história apenas de celebridades, mas também de pessoas anônimas e desconhecidas que, ainda que não possuam as mesmas riquezas, também desperdiçam o que têm com prazeres passageiros e destrutivos. Por isso, Salomão alerta seus leitores de que “quem anda com prostitutas dá fim à sua fortuna”. É claro que ele cita “prostitutas” como representantes de um conjunto maior que inclui outros prazeres que dissipam os bens daqueles que se prendem a eles. Imediatamente, nos vem à mente a parábola do filho pródigo, que, recebendo sua parte da herança, “reuniu tudo o que tinha, e foi para uma região distante; e lá desperdiçou os seus bens vivendo irresponsavelmente. Depois de ter gasto tudo, houve uma grande fome em toda aquela região, e ele começou a passar necessidade” (Lc 15.13,14). Essa passagem serve para nos ensinar que nenhuma má escolha deixa de cobrar seu preço nem de deixar sua marca.

Isso, é claro, constitui uma grande derrota e uma imensa vergonha para o tolo que dissipa seus bens com prazeres perniciosos. Porém, o escritor parece desejar ir além desse pensamento ao citar, na primeira metade do provérbio, a reação do pai do sábio, dizendo que “o homem que ama a sabedoria dá alegria a seu pai”. Se o sábio causa tal reação em seu progenitor, não é exagero pensar que “quem anda com prostitutas” e “dá fim à sua fortuna” também traz tristeza ao seu pai. Afinal, ninguém se orgulha de um filho tolo que estraga com as próprias mãos tudo que lhe foi dado a custo de muito trabalho. Portanto, aprenda logo na Palavra de Deus o valor real das coisas, seja dos bens passageiros ou dos caros valores espirituais da salvação e da graça. Isso o ajudará a colocar cada coisa no seu devido lugar a fim de estimar aquilo que tem valor real e permanente e não se deixar levar pelas joias falsas do mundanismo e do prazer.

Pr. Thomas Tronco

Este site é melhor visualizado em Mozilla Firefox, Google Chrome ou Opera.
© Copyright 2009, todos os direitos reservados.
Igreja Batista Redenção.